FIDELIDADE COM OBJETIVO E PROPÓSITO

Coluna As sete colunas da sabedoria
Por Barbara Barcellos

Quero hoje no meu espaço no grande Jornal do Reino falar sobre vida financeira. A importância de se ter fidelidade com Deus, com propósito!
Existem pessoas, de fé, que entregam o dízimo sem nenhum propósito. São pessoas fieis, e maravilhoso é poder dizer “Eu sou fiel! ” Sim, mas o segredo de se ter um propósito ao ser fiel a Deus te faz enxergar, sentir, receber a operação de Deus em sua vida, de forma clara, e conhecida.
Muitos pastores não entendem isso, e não entendem porque os mistérios do mundo espiritual não são compreendidos em estudos no seminário, ou na faculdade de teologia; os mistérios do Reino são revelados. O Ministério do Apóstolo Adelino de Carvalho é uma revelação do Espírito revelador de mistérios (Lucas 10:21).
Então uma coisa é você entregar o dízimo no altar, outra coisa bem diferente, e muito mais forte, é você entregar o dízimo revelado, com propósitos específicos diante de Deus. Quando você chega ao Santuário você encontra pessoas contando testemunho de como era a vida delas antes, e como está a vida delas hoje, e grande é a diferença.
Conheço pessoas que chegaram ao Santuário desempregadas, enfrentando situações terríveis por consequência do desemprego, mas hoje essas mesmas pessoas estão empregadas, ganhando bom salário; outras se tornaram donas do próprio negócio, empresárias; outras que não tinham onde morar, ou moravam de aluguel, de favor, hoje, tem casa própria, tem carro, são prósperas, e sentem alegria em testemunhar a conquista dos grandes bens adquiridos através da fé inteligente, fé provocadora da prosperidade.
Mas surge uma pergunta: Porque isso acontece com tanta gente? Isto acontece pelo ato profético mobilizador presente na oração na madrugada.
Hoje não se vê em lugar algum, uma obra grande realizada sem a força da oração da madrugada, fundamento para crescimento e sustentação espiritual da igreja, do cristão, e de sua obra diante de Deus.
Sob esta visão, visão apostólica, todas às madrugadas há multidões por todos os lugares, de joelhos dobrados, orando em favor de seus propósitos, como também os líderes da Obra de Deus oram por seu povo.
Esses mistérios que envolvem a vida de quem tem um objetivo, um propósito na hora de entregar o dizimo no altar, são o que faz a pessoa prosperar em tempos de crise, assim como José que se tornou governador do Egito num tempo de grande escassez, como nos fala a Palavra de Deus.
José aprendeu com seu pai, Jacó, a ser fiel a Deus com propósitos.
E Jacó não tinha nada quando fez a Deus o voto de Lhe ser fiel. Mas sendo fiel, Jacó se tornou próspero e colocou sobre José a Capa de sete cores, Capa da Prosperidade de Deus.
José também teve objetivo: Sair do fundo do poço. E ele conseguiu porque tinha propósito com Deus.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s